segunda-feira, 3 de janeiro de 2011

Cachoeira das Orquídeas, Presidente Figueiredo

Foto: André Maués

Resumindo...

Localização: Na zona urbana de Presidente Figueiredo.

Como chegar: Após entrar no perímetro urbano de Presidente Figueiredo, você deve se guiar pelas placas indicativas. Em poucos minutos, seguindo as placas, você deve dobrar à direita, em direção à periferia da cidade. Siga reto até o final da avenida quando, após subir uma pequena ladeira, você será obrigado a dobrar novamente à direita. Siga reto e, após passar pelo prédio do IFAM, você verá a entrada do Parque Municipal das Orquídeas à sua esquerda. Em caso de dúvidas, pergunte a localização da cachoeira a qualquer pessoa na rua e eles indicarão o caminho.

- A partir da entrada do parque, você deve percorrer uma trilha de 1,5 km. A trilha é ampla e reta, portanto não é necessária a presença de um guia de turismo. Além disso, a entrada no parque é gratuita.

- Desaguando em uma grande esplanada de pedras, a Cachoeira das Orquídeas forma uma belíssima piscina natural de águas alaranjadas, ideal para um banho gelado.

- Dentro do parque também está localizada outra pequena cachoeira menos conhecida, a Cachoeira das Quatro Quedas. Como não há placas de sinalização, é preciso perguntar aos vigilantes na entrada do parque como chegar até ela.

- Por estar dentro do perímetro urbano e por possuir entrada gratuita, o Parque Municipal das Orquídeas costuma ficar muito lotado aos fins de semana. Por isso, prefira visitá-lo de segunda à sexta-feira ou sábado pela manhã.


Foto: Mayara Cruz

A bela trilha que leva até a cachoeira. 
Apesar de possuir 1,5 km de extensão, o percurso é fácil e sem grandes esforços.


Foto: André Maués


Foto: André Maués


Foto: André Maués


Foto: André Maués


Foto: André Maués


Foto: Betho Feliciano


Foto: Pedro Sander


Foto: Pedro Sander


Foto: Pedro Sander


Para mais informações, acesse Descobrindo o Amazonas: Presidente Figueiredo.

IMPORTANTE: A maioria das fotos foi tirada diretamente da internet. Elas tem o único propósito de divulgar as belezas do Amazonas e eu não possuo direito autoral algum sobre elas. No caso de fotos cujos nomes dos autores não aparecem, isso quer dizer que os mesmos não foram identificados nos sites de onde foram colhidas as fotos. Caso algum autor queira que eu identifique/corrija seu nome na foto, basta deixar um comentário. Da mesma forma, caso algum autor deseje que eu retire a sua foto do blog, basta se manifestar que eu o farei. Obrigado pela compreensão.

6 comentários:

  1. André!! Nem Acredito que é vc o dono desse blog!!
    Eu estava atrás de fotos da Cachoeira da Orquídea pra mostrar pra um amigo e a foto mais linda encontrei aqui, do fotógrafo Pedro Sander! É uma obra-prima! Até coloquei na minha área de trabalho!
    Como vc está? Tem falado com o Jansher?
    Olha, vou ser uma seguidora assídua do seu blog! Adorei!
    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Sim, Priscila. Criei o blog justamente para divulgar nossas belezas culturais. Afinal, é tão difícil achar fotos de qualidade de certos lugares, não é verdade? O Pedro Sander na verdade é uma amigo meu de Porto Alegre que veio visitar Manaus e recomendei que ele desse um pulo em Figueiredo. O resultado foram essas fotos belíssimas. Dá só uma olhada nos registros da Cachoeira da Onça, também feitos por ele.
    Sobre o Jansher, devo visitá-lo agora em agosto, durante as minhas férias.
    Grande abraço!

    ResponderExcluir
  3. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  4. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  5. esta cachoeira pertence a Ranulpho Henrique Gonçalves o pioneiro do municipio. Há mais de 30 anos os gorvenantes do municipio estão tentando toma-la.Existe um processo que o senhor Ranulpho ganhou por duas vezes no súperior tribunal federal há mais de 15 anos e o judiciário do Amazonas nao está cumprindo com a decisão do súperior tribunal federal em pagar a indenizaçao por perdas e danos ão senhor Ranulpho que hoje está com 81 anos de idade. Isto e uma vergonha para o judiciário amazonense.

    ResponderExcluir
  6. A cachoeira e muito bonita, mas tome cuidado se for com poucas pessoas pois fui assaltado por ladrões na mata.

    ResponderExcluir